Como a inovação e a tecnologia são verdadeiros diferenciais competitivos no mundo pós-Covid-19

Os desafios da pandemia do coronavírus seguem impactando a rotina do mundo inteiro. Apesar da redução do número de mortes, especialmente por conta do avanço da vacinação, os países europeus voltam a enfrentar uma nova onda da doença, e a OMS alerta que não é a hora de relaxar nos cuidados.

No universo corporativo, as empresas precisam continuar implementando as transformações tecnológicas que foram impulsionadas pelas mudanças nos comportamentos do consumidor nos últimos anos. Afinal, além de serem importantes para o atual momento, elas vão continuar presentes no pós-Covid.

Inovações e tecnologias, como o cloud computing e a inteligência artificial, são fundamentais para oferecer uma boa experiência aos clientes, otimizar os processos e garantir a segurança dos dados. Vamos conversar mais sobre isso? Boa leitura!

Qual é a importância da tecnologia no cenário da pandemia?

Desde março de 2020, negócios de todos os tamanhos e nichos estão sentindo os efeitos da pandemia do novo coronavírus. A necessidade de fazer o isolamento e o distanciamento social para se proteger da doença modificou a rotina das pessoas, e as empresas precisaram se adaptar às novas dinâmicas para manter as portas abertas.

O número de trabalhadores em home office aumentou significativamente, o que impulsionou as plataformas de videoconferências e ferramentas para criação e compartilhamento de arquivos via nuvem. As compras on-line tiveram um crescimento de 75% e isso fez com que as lojas virtuais se preocupassem mais com sistemas de gestão, chatbots e outros elementos para encantar os clientes.

Além disso, por conta da nova forma de se relacionar com as marcas e a impossibilidade de sair livremente para se divertir, o uso das redes sociais também foi ampliado. Você se lembra do boom das lives? Como não poderia ser diferente, as plataformas estão se movimentando para engajar mais os usuários e, consequentemente, aumentar os seus lucros.

inovação e tecnologia
Como a pandemia mudou nossos hábitos digitais?

Recentemente, o Mark Zuckerberg mudou o nome da empresa do Facebook para Meta e anunciou um investimento milionário no desenvolvimento do metaverso — um universo virtual que engloba elementos de games, criptomoedas, mídias sociais, realidade aumentada e realidade virtual.

No Brasil, que atualmente tem uma média de mortes por covid estável, as pessoas estão voltando à rotina. Apesar disso, não restam dúvidas de que a nossa relação com a tecnologia jamais vai ser a mesma depois da pandemia.

Por isso, tecnologias que antes eram uma forma de sobreviver durante o isolamento social agora são vistas como oportunidades de melhorar a experiência dos clientes, reduzir custos e se diferenciar no mercado.

Quais são as principais tecnologias em crescimento?

Depois de entender como as tecnologias foram e ainda são fundamentais na pandemia, talvez esteja se perguntando em quais a sua empresa precisa ficar de olho, certo? Confira a seleção que fizemos.

IoT

A Internet das Coisas é, sem dúvidas, uma das tendências tecnológicas que mais crescem atualmente. O conceito visa conectar objetos do dia a dia à rede mundial de computadores com o auxílio de sensores e softwares de coleta, processamento e envio de dados.

Dessa forma, a tecnologia permite que as pessoas (e as empresas) conectem e controlem dispositivos da sua rotina, como geladeiras, lâmpadas, fechaduras, celulares e até carros pela internet de maneira otimizada. A IoT é muito útil para compreender melhor as necessidades dos clientes e desenvolver uma jornada mais personalizada — algo fundamental para atrair consumidores cada vez mais conectados.

Com as ferramentas interconectadas, os dados podem trafegar sem a necessidade de um ser humano. Isso permite, por exemplo, que compras concluídas nos caixas de um varejo possam atualizar automaticamente estratégias nas plataformas de marketing.

Computação em nuvem

Com a computação em nuvem, é possível acessar, editar e compartilhar arquivos de maneira segura com pessoas em qualquer lugar do mundo sem a necessidade de instalar programas.

Esse tipo de acesso remoto foi essencial para que as empresas mantivessem o fluxo de trabalho durante o isolamento social e, é claro, vai permanecer nas rotinas empresariais. Confira algumas das principais vantagens de adotar a cloud computing:

  • facilidade para o trabalho remoto;
  • potencialização das cooperações entre os times;
  • mais economia (afinal de contas, não existe a necessidade de alugar data centers e de manutenções.

Inteligência Artificial (IA)

A Inteligência Artificial é uma área da ciência da computação que se propõe a simular a inteligência humana em dispositivos eletrônicos. Dessa forma, sistemas e máquinas ganham a capacidade de ter comportamentos comuns aos seres humanos.

Ah! Se você acha que a IA é coisa de filme de ficção científica, talvez fique surpreso(a) em saber que ela já está no nosso dia a dia há alguns anos.

Um bom exemplo disso são os chatbots — robôs de atendimento virtual que utilizam a IA para melhorar as interações com os usuários e melhorar os resultados. Segundo um estudo realizado pelo IBM Institute for Business Value, feito com mil empresas que usam assistentes virtuais entre 6 meses e 4 anos, 94% delas já recuperaram o investimento feito na tecnologia.

Realidade Aumentada

Outra inovação que já está presente na sociedade e cresceu por conta da pandemia é a realidade aumentada. Com essa tecnologia, informações digitais (textos, imagens, sons) são trazidas ao mundo real por meio de softwares e dispositivos.

O conceito fica fácil de entender quando lembramos do jogo Pokémon Go, que fez várias pessoas do mundo inteiro saírem de suas casas para capturar personagens pelas ruas. No universo corporativo, ela é uma excelente forma de tornar a experiência do consumidor mais interativa e impulsionar as vendas.

Quer ver um exemplo prático? Confira a vitrine virtual que a C&A fez com o uso de realidade aumentada:

Realidade Virtual

Apesar da semelhança no nome e de poderem ser utilizadas em conjunto, a realidade virtual e a aumentada são conceitos diferentes. Enquanto nesta os elementos digitais são sobrepostos ao mundo real, naquela o objetivo é fazer com que os usuários fiquem totalmente imersos em um ambiente virtual.

Com esse tipo de óculos de realidade virtual, as empresas podem recriar a experiência de uma loja física sem que os clientes precisem sair do conforto de suas casas. É possível, por exemplo, realizar visitas a imóveis, fazer a demonstração de um produto ou criar um provador de roupas virtual. As possibilidades são infinitas!

Quais são os desafios do pós-Covid?

Existem muitas especulações (e poucas certezas) sobre como será o mundo pós-Covid. Entretanto, já é perceptível que as empresas vão precisar fazer adaptações se quiserem continuar atraindo e fidelizando clientes. Afinal, a forma como as pessoas se comunicam, se relacionam e compram está passando por mudanças.

A inovação e a tecnologia, como vimos, têm um papel determinante para acompanhar essas mudanças, mas sozinhas não bastam. Os negócios precisam investir em medidas para que os colaboradores e os gestores aproveitem essas aplicações de maneira empática e estratégica.

De nada adianta investir no software mais moderno do mercado se a tecnologia não é adequada para as necessidades dos clientes ou se os funcionários da empresa não sabem como utilizá-lo.

Em resumo: a inovação e a tecnologia são ótimas para qualquer negócio, mas precisam vir acompanhadas de competências para utilizar esses recursos e construir um ambiente de trabalho mais eficiente e uma jornada de consumo extraordinária.

Se você quer ficar por dentro do universo da tecnologia e de como aproveitar as inovações tecnológicas do mundo dos negócios, confira outros conteúdos do blog da Imaginedone.

Achou esse artigo útil? Então compartilhe!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email
Share on print

Cadastre-se gratuitamente para receber nosso conteúdo