Software personalizado ou de prateleira: fazendo a escolha certa

Hoje em dia, a tecnologia tem um papel indispensável no mundo corporativo. Segundo pesquisa realizada pelo Capterra em 2020, 44% dos negócios utilizam um sistema de gestão empresarial para controle financeiro, 33% usam planilhas, 15%, softwares da própria empresa e apenas 7% não utilizam tecnologia para isso.

A realidade é que existem sistemas para todos os nichos, portes empresariais e necessidades, mas é preciso ter atenção a algumas características para escolher a melhor tecnologia para o seu negócio. Diante disso, uma das perguntas que os gestores devem se fazer é: vale mais a pena investir em um software personalizado ou de prateleira?

A verdade é que não existe uma resposta certa para essa questão. As duas opções têm vantagens e é preciso conhecê-las mais a fundo para fazer uma escolha consciente. Continue a leitura, pois vamos ajudar nessa decisão!

O que é software personalizado?

Também conhecido como software sob medida, é um sistema planejado e desenvolvido para atender às necessidades específicas de um cliente.

Todos os itens do sistema, inclusive o código-fonte, se tornam propriedade da empresa, que pode utilizar uma equipe de desenvolvedores próprios ou terceirizados para aperfeiçoar a tecnologia com o passar do tempo.

Esse tipo de solução é ideal para negócios que precisam de escalabilidade e de funcionalidades que não são encontradas em softwares prontos.

Para atender à Supergasbras, por exemplo, a Imaginedone desenvolveu 3 sistemas integrados sob medida: um aplicativo, um sistema de revenda e uma central administrativa. Isso foi necessário porque a empresa cresceu e precisava de recursos específicos para melhorar a experiência de clientes, funcionários e revendedores.

Principais vantagens

Ter um software criado para atender a todas as particularidades do negócio faz a diferença para alcançar o sucesso. Ao contrário do que acontece na contratação de um software pronto, um sistema personalizado é único e pode ser aproveitado como uma vantagem competitiva diante dos concorrentes.

Outro benefício está relacionado à usabilidade. Como o software será criado do zero, é a tecnologia que vai se adaptar às regras do negócio. Inclusive, é possível pensar em uma interface que deixe funcionários e clientes mais confortáveis. Conheça outros benefícios do software personalizado:

  • economia a longo prazo;
  • estratégias de armazenamento personalizadas;
  • mais privacidade de dados;
  • atualização simplificada;
  • customizações mais flexíveis.

Principais desafios

Apesar de ter um excelente custo-benefício a longo prazo, construir uma solução personalizada exige um investimento inicial que pode ser um desafio para empresas com orçamentos enxutos.

Outro ponto que merece atenção é a necessidade de profundo conhecimento sobre os objetivos e as necessidades do negócio para o desenvolvimento correto do sistema.

O que é software de prateleira?

É produzido genericamente e em larga escala. O seu objetivo não é atender às particularidades de um negócio, mas ter funções comuns que satisfaçam potencialmente qualquer cliente interessado em comprá-lo.

Esse tipo de software já vem pronto, assim como os produtos na prateleira do supermercado. De modo geral, é só fazer o download, configurar e começar a usar. O CRM da Salesforce é um exemplo que possui várias funcionalidades genéricas, mas pode ser adaptado em alguns níveis.

Principais vantagens

Em comparação com soluções personalizadas, os sistemas de prateleira são mais rápidos de serem implementados.

Outra vantagem é que muitos deles podem ser customizados, ou seja, é possível contratar uma empresa especializada para adicionar módulos e fazer outros tipos de personalizações. Confira mais benefícios:

  • baixo investimento inicial;
  • implantação ágil;
  • solução para os problemas mais comuns.

Principais desafios

É provável que um software pronto venha com recursos de que a empresa não precisa, especialmente se estivermos falando de um pequeno ou médio negócio. Por outro lado, também existe a possibilidade de faltarem recursos essenciais.

Seja qual for o caso, será necessário contratar uma empresa para realizar adaptações e isso pesa no custo final do sistema. Outro desafio é a limitação de customização. Os softwares prontos podem ser adaptáveis, mas não será viável realizar grandes mudanças.

Qual das opções é a melhor?

Como já falamos no início do artigo, existem benefícios em contratar softwares de prateleira e softwares personalizados. Sendo assim, você precisa avaliar atenciosamente as necessidades do seu negócio para reconhecer qual é a melhor opção. Veja algumas perguntas que ajudam a refletir sobre o melhor tipo:

  • o meu mercado de atuação é estável ou sofre muitas mudanças?
  • Quais são os objetivos do negócio a curto, médio e longo prazo?
  • A empresa tem rotinas e necessidades específicas?
  • Quais tecnologias são utilizadas hoje em dia e quais aspectos precisam ser aprimorados?
  • Qual é a opinião dos funcionários de TI da empresa?
  • Qual é a experiência do negócio com o uso de tecnologia?

O software personalizado é indicado para empresas que possuem processos específicos e precisam de recursos que não são encontrados em sistemas de prateleira. Ele também é uma boa opção para empresas que atuam em mercados muito dinâmicos e precisam de tecnologia para se adaptar às mudanças e continuar crescendo.

Já o software de prateleira pode ser uma boa alternativa para empresas que precisam de funcionalidades mais comuns e que estão dispostas a fazer algumas adaptações para utilizar o sistema.

Além de analisar com cuidado os tópicos que mencionamos, é fundamental fazer uma pesquisa de mercado e ouvir as opiniões de especialistas em softwares para escolher o tipo de sistema que mais faz sentido para a sua empresa atualmente.

A Imaginedone é especializada no desenvolvimento de soluções personalizadas e na implementação de sistemas prontos. Conheça alguns dos nossos cases de sucesso.

Achou esse artigo útil? Então compartilhe!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email
Share on print

Cadastre-se gratuitamente para receber nosso conteúdo