Upsell e Cross sell: estratégias que potencializam vendas

Segundo dados do Shopify, 10% a 30% do faturamento dos e-commerces se dá através de estratégias de upsell e cross sell. Por esses números, dá para imaginar a importância de implementar as estratégias de venda, não é mesmo?

Além disso, com a concorrência cada vez mais acirrada, utilizar-se de estratégias de vendas para aumentar a receita do negócio pode ser a carta na manga para fechar no verde, no final do mês.

Se você chegou até aqui, provavelmente esteja buscando mais informações sobre o assunto. Neste caso, está no lugar certo. Confira o conteúdo e entenda o conceito, bem como as vantagens de investir nestas soluções para otimizar os resultados da sua empresa!

1 | upsell

O que é upsell

O upsell consiste em uma técnica de vendas que tem o objetivo de aumentar o ticket médio dos clientes pela oferta de uma opção mais completa, maior ou mais atual, do produto que ele está adquirindo, ou já adquiriu.

Para ficar mais claro, vamos a um exemplo: Você está em busca de um notebook para o trabalho e achou uma opção que avalia ser ideal para seu perfil. Acontece que, ao fazer o check out para finalizar a compra, a loja te oferece a nova versão daquele produto, com mais memória, armazenamento maior e processador mais moderno. E para que você faça o update da sua compra, te dá um cupom de 20% sobre o valor do novo notebook sugerido por eles, o que faria o produto sair um pouco mais caro do que você levaria, mas com muito mais vantagens. 

Um consumidor que está adquirindo o produto, especialmente para trabalho, precisa levar em conta as vantagens dele. Logo, ele provavelmente não se importaria em adquirir o produto melhor, mesmo pagando mais caro, pois o custo benefício seria mais vantajoso para ele.

E assim funciona a estratégia de upsell, e é por isso que ela é tão efetiva na área de vendas. Você oferece possibilidades para seu cliente, deixa a escolha por conta dele, sem forçar nada, mas ofertando algo melhor e mais vantajoso, o que consequentemente, é mais caro e faz com que sua empresa lucre mais com a venda.

Ou seja, com o upsell, é possível oferecer o mesmo item, mas com características mais robustas, que proporcionam uma melhor experiência e maior faturamento. 

O que é o cross sell

Enquanto o upsell oferece o mesmo produto com uma versão mais atual, características melhores ou mais completas, o cross sell oferece outros produtos complementares ao produto original. 

Por exemplo: Você tem um evento para ir e precisa usar um calçado social na ocasião. Como não tem um, vai em busca de um par. Você encontra o sapato e na hora de finalizar a compra, lhe é ofertado uma meia para usar com ele, afinal de contas, você certamente vai precisar de uma, certo? Então porquê não levar junto?

E é exatamente isso que a estratégia de cross sell propõe: Oferecer um novo produto ao consumidor que já está comprando algo com você.

Geralmente, essa técnica funciona melhor se a loja oferece desconto em produtos e serviços para que o usuário leve os dois itens juntos. E é importante se atentar para que o valor dos produtos sugeridos sejam menores do que o que já está no carrinho. Assim, o consumidor não será intimidado e poderá incluir o item na sua compra.

Quais as vantagens de investir no upsell e cross sell?

Como citamos no início do artigo, as estratégias de upsell e cross sell visam aumentar o ticket médio dos clientes. Somente por aí a implementação das ferramentas já se justifica. Porém, os benefícios não param por aí. Confira mais alguns deles:

– fidelização de clientes, que se sentem satisfeitos com as ofertas, aumentando as possibilidades de compras futuras;

– aumento do lifetime value, métrica que determina o valor de um cliente para um negócio. Ou seja, quanto costuma gastar em produtos e serviços enquanto se relaciona com a marca;

– melhor retorno sobre o investimento (ROI), pois, para vender mais, não é preciso investir para alcançar novos clientes, o que costuma ser mais caro;

– personalização da experiência de compra, oferecendo produtos relevantes ao cliente, de acordo com as suas características e preferências.

Mesmo com diferenciais importantes como estes, ainda é muito comum vermos empresas ignorarem esse tipo de estratégia de vendas. 

Se este é o seu caso, chegou o momento de repensar!

Afinal, como implementar o upsell e cross sell em meu negócio?

3 | upsell

Agora que você já sabe mais sobre as estratégias e algumas vantagens, pode estar se perguntando como implementá-las na prática. Veja algumas dicas que irão te ajudar:

conheça o seu público, incluindo poder aquisitivo e hábitos, o que ajudará a criar ofertas que vão de encontro tanto ao bolso do cliente, quanto aos seus desejos;

– crie combinações relevantes entre os produtos e serviços incluídos no cross sell. Por exemplo: calça e blusa, videogame e jogos, smartphone e película protetora, móveis e itens de decoração relacionados;

– apresente as ofertas no “momento certo”. Ou seja, em locais estratégicos do site, como página de produtos e check out de compra;

 – utilize o e-mail marketing para oferecer produtos complementares que não foram adquiridos no momento da compra de um produto pelo cliente;

– invista em sistemas de recomendação que, de forma automatizada, ofereçam as soluções mais adequadas aos consumidores conforme as suas características de compra;

– utilize o cross sell e upsell com moderação. Ou seja, não “force a barra” com aquele cliente que já recebeu algumas mensagens de oferta. 

Um dos problemas enfrentados pelas empresas ao aplicar o conceito de upsell e cross sell é a falta de capacidade para controlar todas as operações e realizar um pós-venda eficiente com cada cliente. Isso gera outro desafio, que é a falta de conhecimento sobre o momento certo para abordar o consumidor. 

Para resolver esses problemas, nada como um sistema tecnológico especializado em coleta, armazenamento e gestão de dados. Com um CRM de vendas, por exemplo, é possível entender seus clientes, aprimorar o ciclo de vendas e oferecer soluções na hora certa. 

Como você viu, existem estratégias que podem contribuir diretamente com o aumento das vendas e da lucratividade do negócio. Que tal começar a implementá-las agora? 

Ah, se tem dúvidas sobre como abordar seu público, confira esse artigo que fizemos sobre o melhor canal para se comunicar com os clientes.

Até mais!!

CONTATO

Achou esse artigo útil? Então compartilhe!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email
Share on print

Cadastre-se gratuitamente para receber nosso conteúdo